Kings of Leon

KINGS OF LEON
A foi fundada no ano 2000, em Nashville, Tennessee (EUA). É formada pelos irmãos Caleb Folowill (vocal), Jared Folowill (baixo), Nathan Folowill (bateria) e pelo primo deles, Matthew Folowill (guitarra).

HISTÓRIA
Quando crianças, os irmãos Folowill receberam uma educação muito rígida e muito voltada para a religião. Reza a lenda que eles não podiam assistir televisão e nem escutar música que não fossem de motivos religiosos. Eles faziam parte da banda da igreja e costumavam acompanhar o pai em pregações por outras cidades.

Com o EP Holy Roller Novocaine, lançado em 2002, chamaram a atenção da crítica europeia e no ano seguinte, com o lançamento de Youth & Young Manhood, o sucesso já batia na porta deles. Este álbum foi eleito um dos 10 melhores discos de estreias entre 1993 e 2003.

Em 2004 Aha Shake Heartbreak vendeu mais de 500 mil cópias na Inglaterra, consolidando a marca na Europa e em algumas partes do mundo. Mas, foi em 2007 com Because of the Times que eles estouraram, pois, finalmente conquistaram os Estados Unidos. O som da banda mudou bastante com esse álbum. Deixou de ser uma banda desprentesiosa para se transformar numa das bandas mais famosas do momento.

O álbum Only by the Night de 2008 bateu vários recordes de venda e a banda foi indicada a 4 Grammys, ganhando os prêmios de melhor gravação do ano, melhor performance e gravação de rock, ambas com a famosa Use Somebody.

CURIOSIDADES
Leon é uma homenagem ao avô dos membros da banda, que tinha esse nome.
Caleb deu o apelido de Pistol of Fire ao primo, pois ele gostava muito de armas quando criança.
Eles gostam de Arcade Fire, The New Pornographers e Tegan and sarah.
Todos curtem Pixies e Modest Mouse.
Jared trabalhou em um McDonald’s

NO BRASIL
Eles tocaram em terras brasileiras em 2005, em São Paulo e no Rio de Janeiro.
Quase apareceram no Planeta Terra 2009, mas não foi dessa vez.

DISCOGRAFIA
Até o momento o Kings of Leon lançou quatro álbuns e é fácil de observar uma grande evolução entre eles, principalmente em termos de produção e letras. Youth & Young Manhood e Aha Shake Heartbreak têm um som mais descompromissado e com muita influência do sul dos EUA. É basicamente uma banda de garagem sem pretensão, mas com um som espetacular. Em vários momentos as músicas são mais faladas do que cantadas e todo esse cenário me agrada bastante. Vou confessar, prefiro os dois primeiros CDS. O que não posso negar é que eles evoluíram. A partir de Because of the Times eles se tornaram uma banda de renome mundial, com um som um pouco diferente, mas com muita qualidade.

Segue a discografia completa deles, com um asterisco ao lado das músicas que considero destaques.

As letras (lyrics) vocês podem conferir no site Lyrics Mania, sem dúvida o melhor site de letras disponível, pois é constantemente atualizado, tem um bom mecanismo de pesquisa e divide as letras por álbuns.


Youth & Young Manhood
(2003)

1 Red Morning Light
2 Happy Alone *
3 Wasted Time
4 Joe’s Head *
5 Trani *
6 California Waiting *
7 Spiral Staircase
8 Molly’s Chambers *
9 Genius
10 Dusty
11 Holy Roller Novocaine


Aha Shake Heartbreak
(2004)

1 Slow Night, So Long
2 King of the Rodeo *
3 Taper Jean Girl *
4 Pistol of Fire
5 Milk *
6 The Bucket *
7 Soft *
8 Razz
9 Day Old Blues
10 Four Kicks
11 Velvet Snow
12 Renemo *
13 Where Nobody Knows (bônus)


Because of the Times
(2007)

1 Knocked Up *
2 Charmer
3 On Call
4 McFearless *
5 Black Thumbnail *
6 My Party
7 True Love Way
8 Ragoo *
9 Fans *
10 The Runner
11 Trunk
12 Camaro
13 Arizona *


Only By The Night
(2008)

1 Closer *
2 Crawl
3 Sex on Fire *
4 Use Somebody *
5 Manhattan *
6 Revelry
7 17
8 Notion
9 I Want You
10 Be Somebody
11 Cold Desert *

VIDEOS

SITES
Oficial

MySpace
Site brasileiro
Orkut

FILMES E SERIADOS
A música do Kings of Leon pode ser ouvida nos filmes: Cloverfield, Paranóia, Ligado em Você e Talladega Nights.

– por B.K.

The Killers

.os matadores
Quatro pessoas dão vida a essa banda: Brandon Flowers (vocal), Dave Keuning (guitara), Mark Stoermer (baixo) e Ronnie Vannucci Jr. (bateria). O som pode ser definido como indie-rock, mas eu acho difícil rotular o The Killers, já que os caras têm um som próprio, facilmente reconhecível. Não acredita? Vamos ver…

.história
Mas e como, quando e onde eles surgiram? Nos idos de 2001, David Keuning colocou um anúncio em um jornal de Las Vegas, buscando alguém para formar uma banda. Ele dizia que tinha como influências os Beatles, Oasis, The Cure e U2. Brandon Flowers viu o anúncio e conheceu Keuning. Na sequência, Vannucci e Stoermer receberam um convite de Flowers e Keuning para fazerem parte da banda e aí estava formado o The Killers.

A princípio eles tocavam em pequenos clubs de Las Vegas, até mesmo em shows de travestis. Com o passar dos tempos eles ganharam a atenção de um representante britânico da Warner Bros e aí as coisas começaram a acontecer. Assinaram com o selo Lizard King e em 2003 a música Mr. Brightside ganhou as rádios do Reino Unido. Os Matadores foram até a Inglaterra para tocar em bares e shows, sedimentado o nome.

Em junho de 2004 finalmente lançaram o primeiro álbum, o Hot Fuss e foi um sucesso. Mr. Brightside e All These Things That I’ve Done entraram nas paradas do Reino Unido, mas eles explodiram mesmo com Somebody Told Me. Eu conheci The Killers graças a essa música. É uma música bacana, animada, mas é sem dúvida uma das mais fracas dos caras. Em dezembro do mesmo ano eles apareceram no quarto episódio da segunda temporada do seriado The OC.

E ganharam o público e a crítica. Caras como Bono Vox, Robbie Willians e Elton John declaravam sua admiração pela nova banda.

O próximo álbum, Sam’s Town, foi lançado em outubro de 2006 e serviu para mostrar que a banda veio para ficar. When You Were Young foi um sucesso de grandes proporções, indo parar até no jogo Guitar Hero.

Em 2007 veio o Sawdust, que é uma coletânea de b-sides, raridades e algumas músicas novas.

Day & Age foi lançado em 2008 e é um álbum bem diferente dos demais, mas mantém o alto nível da banda.

Após quatro anos sem um álbum de estúdio, em 2012 o The Killers nos trouxe o fantástico Battle Born, cujo review você pode ler aqui.

.curiosidades
Trilogia da morte: “Leave The Bourbon On The Shelf”, “Midnight Show” e “Jenny Was a Friend of Mine”. As letras dessas três canções falam de uma adolescente chamada Jennifer que é estrangulada pelo ciumento namorado.

Eles sempre lançam um especial de natal em dezembro. Os quatro até agora lançados: Great Big Sled, Don’t Shoot Me Santa, Joseph Better You than Me e Happy Birthday Guadalupe.

O nome da banda foi tirado do clipe “Crystal”, do New Order. The Killers era o nome da banda fictícia do clipe, nome que poderia ser visto na bateria.

O Cafe Roma, em Las Vegas, se tornou um ponto importante para a banda. Lá eles tocavam e ganhavam sanduíches e café de graça.

O sucesso estrondoso da banda na Inglaterra pode ser creditado a revista NME. Eles foram citados várias vezes, sem contar as inúmeras vezes que estamparam a capa da revista semanal britânica.

A apresentação deles no mega evento Live 8 foi pequena, porém crucial. Tocaram apenas 1 música, “All these things that I´ve Done”, em Londres, e marcaram presença. O mega star britânico Robbie Williams, que tocou mais tarde em Londres, incluiu o coro “I got soul but I’m not a soldier” em uma de suas músicas, surpreendendo a banda e marcando ainda mais a presença deles entre os britânicos.

Em dezembro de 2005 eles foram indicados a 3 grammys. Melhor música de rock (somebody told me), melhor performance de rock e melhor álbum de rock.

Já participaram do sucesso da tv americana Saturday Night Live 3 vezes.

Houve uma troca de farpas entre Brandon Flowers e alguns integrantes das bandas The Bravery e Fall Out Boy, mas Flowers desculpou-se de algumas declarações posteriormente.

.no brasil
Em outubro de 2007 eles fizeram três shows por aqui. Era o Tim Festival que trouxe também Bjork, Hot Chip e Arctic Monkeys. Os shows rolaram em Curitiba, São Paulo e Rio de Janeiro.

Em 2009 voltaram ao Brasil, dessa vez só em São Paulo (chácara do jockey) e no Rio de Janeiro.

.discografia
Eis a discografia completa dos caras. Se vc clicar no nome da música um link te levará à letra (lyrics) dessa música. Ao lado de cada música há um número de 0 a 5. Essa é a minha nota com o objetivo de fazer uma média e chegar a conclusão de qual o melhor álbum. Óbvio que é apenas uma opinião pessoal. A propósito, minha capa preferida é a do Hot Fuss.

Hot Fuss (2004)


1
Jenny Was a Friend of Mine (4)
2
Mr. Brightside (5)
3
Smile Like You Mean It (4,5)
4
Somebody Told Me (3,5)
5
All These Things That I’ve Done (5)
6
Andy, You´re a Star (4)
7
On Top (4,5)
8
Change Your Mind (5)
9
Believe Me Natalie (4)
10 Midnight Show (4)
11 Everything Will Be Alright (3,5)

 

Sam´s Town (2006)

1 Sam’s Town (4,5)
2
Enterlude (3)
3
When You Were Young (4,5)
4
Bling (Confessions of a King) (4)
5
For Reasons Unknown (5)
6
Read My Mind (5)
7
Uncle Jonny (3,5)
8
Bones (5)
9
My List (3)
10
This River is Wild (3,5)
11
Why Do I Keep Counting? (4,5)
12 Exitlude (4)

 

Sawdust (2007)

1 Tranquilize (4,5)
2
Shadowplay (3,5)
3
All The Pretty Faces (4,5)
4
Leave the Bourbon on the Shelf (4,5)
5
Sweet Talk (4,5)
6
Under the Gun (4,5)
7
Where the White Boys Dance (3)
8
Show You How (4)
9
Move Away (3)
10
Glamorous Indie Rock and Roll (5)
11
Who Let You Go? (4)
12
The Ballad of Michael Valentine (4)
13
Ruby, Dont’ Take Your Love to Town (4)
14 Daddy’s Eyes (3,5)
15 Sam’s Town (Abbey Road Version) (4)

16 Romeo and Juliet (5)

17 Mr. Brightside (Jacques Lu Cont’s Thin White Duke Remix) (3)

Day & Age (2008)

 

1 Losing Touch (5)
2
Human (4)
3
Spaceman (4,5)
4
Joy Ride (4,5)
5
A Dustland Fairytale (5)
6
This is Your Life (4,5)
7
I Can’t Stay (4)
8
Neon Tiger (5)
9
The World We Live In (4)
10
Goodnight, Travel Well (2)

Battle Born (2012)
the-killers-battle-born-cover
1 Flesh and Bone (5)
2 Runaways (5)
3 The Way it Was (5)
4 Here With Me (3.5)
5 A Matter of Time (3.5)
6 Deadlines and Commitments (4,5)
7 Miss Atomic Bomb (4)
8 The Rising Tide (4)
9 Heart of a Girl (4)
10 From Here on Out (3,5)
11 Be Still (4,5)
12 Battle Born (4)
13 Carry me Home (4,5)
14 Prize Fighter (5)

Classificação:
Battle Born – 4,28
Hot Fuss – 4,27
Day & Age – 4,25
Sam’s Town – 4,12
Sawdust – 4,02

Surpresa? Talvez não. Battle Born nos mostra a evolução dessa banda. Trata-se de um álbum que pede mais do que uma ouvida para emissões de julgamento. Uma vez que o espírito dele é captado, não há como parar de escutar.

.videos

.sites
Oficial
The Killers Brasil
MySpace
Wikipedia

.projeto solo do Brandon Flowers

.gostei, quero ouvir!
Não faça download dos CDS. Compre! Vale a pena.
http://www.submarino.com.br/busca?q=the+killers&dep=+&x=0&y=0

.camisetas
http://www.madels.com.br/full_images/image025.jpg
http://www.madels.com.br

.filmes e seriados
Podemos encontrar músicas do The Killers em alguns filmes e seriados, como The Matador, Southland Tales, The Holiday, Spider-Man 3, How to Lose Friends & Alienate People, The OC, Smallville, Saturday Night Live, ER, Jericho, Six Feet Under e Friday Night Lights.

.curta a fanpage do intratecal, se aprouver…