Há muito o que se aproveitar em Casal Improvável, comédia romântica com um algo a mais dirigida por Jonathan Levine. O filme não reinventou a roda, mas é uma experiência diferenciada neste subgênero já muito explorado.

O casal do título é formado pela candidata a presidência dos Estados Unidos Charlotte Field e pelo jornalista desempregado Fred Flarsky. Enquanto Charlotte é uma workaholic cheia de atitude cujo ciclo de conhecidos é composto por pessoas poderosas, Fred anda com roupas infantis com bolsos repletos de psicotrópicos. Mas ele é um idealista e pode oferecer exatamente o que Charlotte precisa.

É claro que sabemos de antemão que os dois formarão um casal, mas a graça está em ver como isso acontece e em aproveitar a fantástica química entre Charlize Theron e Seth Rogen. Aliás, Charlize Theron se revela ainda mais versátil ao demonstrar um timing perfeito para o humor. E Seth Rogen entrega o que dele se espera.

Não faltam piadas inspiradas em relação ao cenário político americano e à cultura pop, bem como situações que quebram expectativas. Ao contrário da maioria dos filmes mais antigos do gênero, aqui é a mulher que tem uma posição de destaque e o homem tenta se equiparar a ela.

Casal Improvável se beneficia também de um sólido elenco de apoio, com destaques para Bob Odenkirk interpretando um presidente totalmente incapaz e O’Shea Jackson Jr que faz o confiante melhor amigo de Fred.

Talvez com uns 15 minutos a menos e mais sequências memoráveis como aquela em que o casal fica completamente chapado em uma casa noturna teríamos no mínimo um top 20 de 2019.

Nota: 8