Game of Thrones: “Cripples, Bastards and Broken Things” Crítica

Game of Thrones | 1×04 – Cripples, Bastards and Broken Things

Adotando um ritmo lento e investindo em diálogos que revelam muitas informações do passado, o quarto episódio da primeira temporada acabou sendo o mais fraco até o momento. De qualquer forma, episódios como esse são esperados em um seriado que se inspira em livros grandes e recheados de personagens.

Com mais boas doses de exposição, ficamos sabendo um pouco mais sobre Theon Greyjoy e principalmente sobre Sandor Clegane, o Cão de Caça. Descobrimos que as cicatrizes do Cão são resultado de um relacionamento nada saudável com o irmão Gregor Clegane, o famoso Montanha.

Somos apresentados a Sam Tarlly, um rapaz que está longe de se sentir confortável com uma espada na mão. Ele é um novo recruta da patrulha da noite e rapidamente torna-se alvo dos outros patrulheiros. Isso até Jon Snow resolver protegê-lo. Snow e Sam já iniciam uma amizade aqui, com direito a engraçadas confidências envolvendo a virgindade de ambos.

Ned Stark decide investigar a morte de Jon Arryn por conta própria. Nem mesmo a velada ameaça de Cersei parece que irá o impedir de chegar ao fundo da situação. Suas pesquisas o levam a Gendry, um dos filhos bastardos de Robert Baratheon. A obstinação de Ned pela justiça pode cobrar um preço caro.

No leste, a relação entre Daenerys e Viserys parece ficar cada vez mais insustentável. Será que Viserys não consegue entender que ele é fraco demais para chegar ao poder?

O episódio melhora bastante no terço final com a justa entre Sor Hugh e a Montanha. Que morte agoniante e visceral, não é? Bom. Quem leu os livros sabe que haverá coisas bem piores pela frente. E quanto a surpreendente atitude de Catelyn Stark em relação a Tyrion? O instinto dela diz que o anão é a mente por trás da tentativa de assassinato de Bran e para ela isso basta.

Nota:  7.6

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s