(1 estrela em 5)

Como fã de George Romero sinto-me triste em dar apenas uma estrela para um filme dele, mas é uma atitude inevitável. A Ilha dos Mortos é o pior filme do diretor e possivelmente um dos piores filmes de zumbis já feito.

Para um filme do gênero funcionar a história não precisa ser uma maravilha, mas também não pode ser uma sucessão de clichês, acontecimentos sem graça e personagens desinteressantes. São exatamente estas coisas desagradáveis que são oferecidas aqui.

Resumindo a história: os zumbis estão acabando com a população da terra e um lugar que aparenta ser menos perigoso é uma ilha bem afastada. O problema é que duas famílias travam uma disputa interna nesta ilha, algo que também resulta em violência e mortes. Um grupo de militares que encontra o local deve lidar tanto com os zumbis como com essa disputa entre as famílias.

Os zumbis se tornam extremamente secundários a medida que o filme avança. Isso não seria um problema se o roteiro fosse criativo e se lidasse bem com a parte psicológica dos seus personagens, algo que realmente não ocorre aqui.

Acho que nem o maior fã do gênero vai conseguir ver alguma coisa positiva durante os 90 minutos. O ritmo é digno de bocejos, as atitudes dos personagens são extremamente tolas e previsíveis e as resoluções são desprovidas de inspiração. Para piorar, algumas cenas mais violentas são dirigidas de uma maneira quase que amadora por George Romero. Será que a carreira dele tem salvação?

Se você tiver coragem de assistir (ou se já asistiu) não deixe de comentar por aqui. Estou sozinho quando digo que este é o pior filme do Romero?
IMDb