Star Wars VI – O Retorno de Jedi (1983)


NOTA: 7

Apesar de contar com a cena que considero a mais intensa e marcante de toda a saga, não posso negar que O Retorno de Jedi é um filme irregular. A cena que falo é o momento em que Darth Vader lembra-se de seu passado no lado bom da força e decide ajudar Luke. Não há absolutamente nada no resto do filme com a metade da intensidade e qualidade dessa cena.

Muito tempo é perdido com as sequências bobinhas envolvendo os Ewoks, que convenhamos, são personagens desnecessários. Tinha tanta coisa que poderia ser melhor explorada, como a empolgante escapada de Han Solo de Jabba e o confronto com Boba Fett. Claro que essas cenas são ótimas como são, mas havia potencial para deixa-las ainda melhores. Um dos maiores problemas da trilogia clássica reside nas atuações de Mark Hamill. Mesmo que aqui ele esteja um pouco melhor do que nos filmes anteriores, é notável a limitação do ator. Claro que devemos levar em conta o roteiro que possui alguns diálogos pouco criativos e piegas, mas que Hamill é fraco não dá para se discutir.

Mesmo com esses pequenos problemas, O Retorno de Jedi é um ótimo desfecho para Star Wars. Em termos de ação e efeitos especiais ele é o mais competente da trilogia clássica e isso fica evidenciado nos diversos combates e batalhas ao longo do filme. Além disso, é impossível não se arrepiar com o conflito interno vivido por Darth Vader quando vê seu filho Luke sendo surrado por Darth Sidious. É óbvio que no fim tudo acaba bem e ver Yoda, Anakin e Obi-Wan juntos traz um ar nostálgico e sempre me deixa com vontade de rever os filmes num futuro próximo.

Título original: Star Wars: Episode VI – Return of the Jedi
Ano: 1983
País: EUA
Direção: Richard Marquand
Roteiro: Lawrence Kasdan, George Lucas
Duração: 134 minutos
Elenco: Mark Hamill, Harrison Ford, Carrie Fisher, Frank Oz, Billy Dee Williams, Alec Guinness, Anthony Daniels, Peter Mayhew, David Prowse, James Earl Jones, Ian McDiarmid

/bruno knott

19 comentários em “Star Wars VI – O Retorno de Jedi (1983)”

  1. eu fico tão perdido com os acontecimentos da saga que simplesmente desisto de tentar entender mais sobre o filme, porém ainda tenho curiosidades em relação aos filmes. Num dia qualquer, espero conseguir vê-las e quem sabe: gostar!

  2. Sou suspeita para analisar esse filme, porque acabou sendo o primeiro que vi, vi tanto na infância que é difícil falar mal, mas concordo que tem vários problemas, principalmente os Ewoks… Onde George Lucas estava com a cabeça? Ainda acho O Império Contra-Ataca o melhor de todos.

    bjs

  3. Dos três filmes iniciais este é com certeza é o de menor nota, mas nem por isso deixa de ser divertido.

    O grande problema foi que “O Império Contra Ataca” é o melhor filme da série e qualquer outro que fosse feito sem seguida seria muito difícil superá-lo.

    Até mais

  4. No balanço geral, gosto bem mais dos três filmes mais antigos da série “Star Wars” do que dos filmes mais recentes produzidos pelo George Lucas.

  5. Concordo com o Bruno, os Ewoks são um equívoco,têm um ar de bichinhos de pelúcia deslocados no meio de uma guerra emocionante entre o Bem e o Mal.

  6. Eu realmente tenho problemas com o terceiro episódio da série Star Wars, que ao meu ver deve e muito, para o segundo episódio – mas é o natural das trilogias; um ou outro filme sempre fica aquém. Mas pergunta se eu ACEITO assistir os dois e não ver o episódio derradeiro? 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s