The Doctor, 1891
Por Luke Fildes

Resolvi iniciar um novo tipo de post aqui do no Culta Intratecal. Eventualmente vou postar alguma obra de arte que acho interessante e fazer alguns comentários sobre ela. Assim eu aprendo mais sobre essa área que me interessa bastante e fico sabendo o que vocês acham sobre elas.

Eis um quadro muito famoso entre os médicos e é considerado a obra-prima de Luke Fildes.

Em 1877, o pintor perdeu seu primeiro filho, vítima de tuberculose.

Neste quadro, ele recria essa cena que teve um imenso impacto na sua vida. O homem que está de pé é o próprio Luke Fildes. A mãe da criança chora sem esperanças e o médico encara firme seu paciente terminal. Como se disesse: “Mesmo que não cure, vou ficar aqui até o fim”.

.luke fildes – the doctor

/bruno knott